Entre páginas – Reparação

“Não eram só o mal-estar e as tramoias que tornavam as pessoas infelizes, era a confusão, eram os mal-entendidos; acima de tudo, era a incapacidade de aprender a verdade simples de que as outras pessoas são tão reais quanto nós.” Sabe aquele livro que você sabe que vai entrar para os favoritos antes mesmo de ler? Então. Reparação é um deles… E eu só comprovei … Continuar lendo Entre páginas – Reparação

Leggendo gli italiani – A vida mentirosa dos adultos

“O que se passa, afinal, no mundo dos adultos, na cabeça de pessoas extremamente racionais, em seus corpos carregados de saber? O que os reduzia a animais dentre os menos confiáveis, piores do que os répteis?” Como já comentei neste post, durante a quarentena eu caí de amores pela Itália – pela língua, pela cultura, pelas séries… e pelos livros. A partir daí iniciei uma … Continuar lendo Leggendo gli italiani – A vida mentirosa dos adultos

Entre páginas – Wilkie Collins

“(…) he was perhaps the sweetest-tempered of all the Victorian novelists.” Há alguns anos, tinha uma FNAC no Shopping Morumbi que sempre fazia saldões de livros clássicos. Como fã dos autores vitorianos, é claro que eu aproveitava as oportunidades para estocar diversas obras! A primeira delas que decidi ler foi o “catatauzão” The Woman in White… …E foi o suficiente para me apaixonar pela escrita … Continuar lendo Entre páginas – Wilkie Collins

Entre páginas – A revoada (o enterro do diabo)

“Quarta-feira em Macondo. Um bom dia para enterrar o diabo.” Sabe aquele autor que você tem CERTEZA que vai AMAR antes mesmo de chegar a ler? Esse era o meu caso com Gabriel García Márquez. Dessa vez, finalmente decidi tirar a poeira dos seus livros que habitavam a minha estante e conhecer a narrativa do autor… e não me arrependi! A revoada (o enterro do … Continuar lendo Entre páginas – A revoada (o enterro do diabo)

Entre páginas – Baratas

“Aos raros sobreviventes que carregam a dor de sobreviver.” A primeira vez que soube do genocídio ocorrido em Ruanda, quando a parcela de população da etnia hutu matou quase 70% da população tutsi, em 1994, foi por meio do filme Hotel Ruanda, que assisti para um trabalho da escola. Lembro de ter ficado muito impressionada com aquelas imagens – tristes, devastadoras, dolorosas – e querer … Continuar lendo Entre páginas – Baratas

Entre páginas – Torto arado

“O medo atravessou o tempo e fez parte de nossa história desde sempre.” Não é todo dia que um livro de ficção literária – ainda mais nacional – domina a lista dos mais vendidos. Ainda mais se a obra for de um autor fora do eixo Rio-São Paulo e tratar da cultura brasileira praticamente em sua raiz. Torto arado, do baiano Itamar Vieira Junior, é … Continuar lendo Entre páginas – Torto arado

Amor de quarentena: como a Sabrina ficou obcecada com a Itália

A minha história de amor com tudo o que envolve a Itália começou há muito, muito tempo. Um dos primeiros CDs do qual tenho a memória de ouvir sem parar, quando tinha uns 5 anos de idade, é um daLaura Pausini que leva o mesmo nome da cantora. Não fazia ideia do que queria dizer “Marco se n’è andato e non ritorna più”, mas sabia … Continuar lendo Amor de quarentena: como a Sabrina ficou obcecada com a Itália

Entre páginas – Ódio, amizade, namoro, amor, casamento

Quem diria que eu iria gostar tanto de contos? Há alguns anos eu confesso que torcia o nariz para as histórias breves, sempre alegando que o que eu de fato gostava era dos livros grandões que me fizessem mergulhar profundamente em um romance completo. Pois não é que mordi minha língua? Claro, é bem verdade que “I like big books and I can’t deny”, mas … Continuar lendo Entre páginas – Ódio, amizade, namoro, amor, casamento